Como conhecer Porto Alegre ficando em um hotel próximo ao aeroporto

Por Gabriel Brust,

É possível que Porto Alegre esteja no radar da sua próxima viagem por dois motivos bem realistas:

A) Você está em conexão para os vizinhos do Sul (Uruguai, Argentina e Chile), para a turística Serra Gaúcha (Gramado e Canela) ou para o industrial Vale do Sinos (Novo Hamburgo e São Leopoldo).

B) Você irá participar de um evento profissional ou cultural com duração de um ou dois dias que pouco tempo vai deixar para explorar a cidade.

Infelizmente, não são tantas as pessoas que escolhem Porto Alegre pelo motivo certo, na opinião deste porto-alegrense orgulhoso:

C) Explorar os parques, os bares, a orla do Guaíba e os centros culturais da cidade.

Então é provável que você esteja buscando hospedagem perto do aeroporto. O que pouca gente de fora sabe é que o aeroporto de Porto Alegre, ao contrário de muitas capitas brasileiras, fica relativamente integrado à cidade, a apenas quatro estações de trem do Centro e a uma corrida rápida de táxi até seus bairros mais animados, como o Moinhos de Vento e a Cidade Baixa.

Transporte entre o aeroporto e Porto Alegre

Foto: Kauê Menezes/Transurb

Ou seja, se você tem apenas uma noite ou duas na cidade, não é preciso necessariamente se hospedar ao lado do Salgado Filho. Neste artigo, vamos passear pelos hotéis e hostels de Porto Alegre localizados estrategicamente nos bairros mais interessantes, acompanhados de dicas de como se divertir no seu único dia ou noite na cidade.

Todos os hotéis ficam a, no máximo, 20 minutos de carro do aeroporto (com condições de trânsito normais), garantindo que você não vai perder seu voo.


Hotéis em Porto Alegre próximos ao Aeroporto

Ok, você não quer arriscar. Prefere ficar colado no Aeroporto Internacional Salgado Filho para não ter erro. Pois saiba que pode ter erro, já que alguns hotéis que se dizem “no aeroporto” não são tão próximos ao aeroporto. O Hotel Intercity Porto Alegre e o Hotel Express Porto Alegre, por exemplo, são bastante populares, mas você vai precisar de traslado até o terminal, ainda que curtinho. Abaixo as minhas três sugestões de hotel praticamente colados ao terminal, sem chance de erro:

Para o básico: ibis Porto Alegre Aeroporto

Ibis Aeroporto Porto Alegre

A apenas 300 metros da porta do aeroporto, é a pedida para quem só precisa realmente dormir uma noite com conforto e contar um ambiente propício para trabalhar. Quem estiver em uma viagem de negócios vai encontrar bom acesso à internet, local para reuniões e coworking, lavanderia e restaurante servindo café da manhã e jantar.

Ver preços

Para conforto: Novotel Porto Alegre Airport

Novotel Aeroporto Porto Alegre

Um quatro estrelas do outro lado da rua. Apesar de serem da mesma rede, o grande diferencial dele em relação ao ibis é o conforto. Além do pacotão básico de um hotel de rede, você encontra piscina coberta, centro de fitness e bem-estar com massagem, sauna e Hammam, o banho turco.

Ver preços

Para mordomia: Deville Porto Alegre Aeroporto

Hotel Deville Aeroporto Porto Alegre

Aqui estamos falando cinco estrelas, com uma caminhada um pouco maior: 800 metros do aeroporto – mas é claro que o hotel oferece traslado 24 horas. A estrutura é tão completa que você certamente vai precisar de mais de uma noite para curtir a piscina, as quadras de tênis, o restaurante Ventanas e o Millenium Bar. Entre as opções de hospedagem, o destaque é o “Studio”, que oferece uma grande mesa para reuniões dentro do seu quarto.

Ver preços

O que fazer na região do aeroporto


Hotéis para conhecer o lado descolado de Porto Alegre

O Moinhos de Vento e o Bom Fim são bairros históricos da cidade. O Moinhos foi inicialmente habitado por imigrantes alemães, que ali fundaram o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, na área em que hoje fica um dos parques mais tradicionais da cidade, o Parque Moinhos de Vento (que nós porto-alegrenses chamamos de Parcão).

O bairro oferece comércio, pubs e restaurantes de qualidade (e preço) superiores à média da cidade, principalmente na Rua Padre Chagas. Você também estará a uma distância a pé do bairro Bom Fim, reduto de jovens, artistas e criadores em geral.

Sheraton Porto Alegre

Hotel Sheraton Porto Alegre

O Sheraton disputa com o Radisson o título de melhor hotel da cidade e é uma espécie de “centro” do Moinhos de Vento. Ele fica cercado pelos principais pontos de interesse do bairro: a Rua Padre Chagas, o Parcão e o Moinhos Shopping – que funciona no térreo do próprio hotel, com cinemas, lojas e praça de alimentação com qualidade bem acima da média de um shopping comum.

Ver preços

Laghetto Vertice Manhattan

Hotel Laghetto Vertice Manhattan Porto Alegre

Difícil entender por que ele se chama Manhattan, mas o fato é que fica exatamente na divisa entre os dois bairros que estamos explorando, o Moinhos de Vento e o Bom Fim. A localização não poderia ser melhor: dali você pode chegar a pé aos dois maiores parques da cidade – o Parcão e a Redenção – e ainda ao jardim do DMAE, um dos lugares mais bonitos e pouco conhecido dos turistas em Porto Alegre. Entre as comodidades, o diferencial é que todos os quartos oferecem cozinha e sala, como apartamentos, ideal para famílias.

Ver preços

O que fazer no Moinhos e no Bom Fim

  • Faça um piquenique no jardim do DMAE
  • Saia para uma corrida no Parcão
  • Prove a cerveja local Dado Bier no pub da própria marca, o Dado Pub
  • Experimente a cozinha francesa do Bristrô Paris 6, de quinta a sábado aberto até às 4h da manhã
  • Visite o Ocidente, o bar mais tradicional da cidade, que tem uma programação variada indo de sarau literário à balada forte, dependendo do dia

Hotéis para conhecer o bairro mais boêmio de Porto Alegre

A Cidade Baixa é o bairro mais jovem da cidade. Localizado ao lado do campus central da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, ele tem um quintal de luxo, o Parque Farroupilha (que nós porto-alegrenses chamamos de “Redenção”, e é o maior da cidade).

Mas o que mais chama a atenção no bairro é mesmo a quantidade da bares e botecos, concentrados nas ruas Lima e Silva, República e José do Patrocínio. É o lugar ideal para beber e comer barato e se conectar com os moradores da cidade. Com este perfil, claro, não poderiam faltar bons albergues para se hospedar.

Intercity Cidade Baixa

Intercirty Cidade Baixa porto Alegre

Inaugurado em 2017 em um prédio recém-construído, o Intercity é uma opção moderna para se hospedar em um bairro antigo e sem gastar muito. Seguindo o modelo de hotéis inteligentes, ele oferece o necessário para uma passagem rápida pela cidade cheia de conforto. Ainda tem um restaurante panorâmico no 20º andar (de onde é possível avistar todo o bairro), é pet friendly e um dos poucos da cidade a oferecer day use, caso você esteja apenas passando o dia, sem dormir.

Ver preços

Hostel Casa Azul

Hostel Casa Azul Porto Alegre

Em plena Rua Lima e Silva, a mais movimentada do bairro, a Casa Azul se integra à paisagem porque também é um bar frequentado pelos próprios porto-alegrenses. É um legítimo party hostel, então não espere tranquilidade: o lobby e o jardim da Casa Azul viram uma grande festa quase todas as noites. Ele disputa com o Poa Eco Hostel, ali pertinho, o título de albergue mais divertido do bairro. Mesmo assim, a dose de conforto é garantida através do wifi, lareira, ar condicionado, café da manhã e até bicicletas de graça para explorar a cidade.

Ver preços

O que fazer na Cidade Baixa

  • Experimente os coquetéis do Olivos 657 ou a cervejas artesanais do Apolinário
  • Jante na cozinha refinada e em conta do The Raven ou prove o hambúrguer típico gaúcho do Pampa Burguer
  • Saia para dançar nas baladas da Rua João Alfredo, que vão do samba-rock do Preto Zé ao rock do Margot
  • Pegue um filme no Guion, o cinema de arte mais clássico da cidade
  • Passeie de bicicleta pela Redenção, o maior parque da cidade, que nas manhãs de domingo recebe o Brique, uma enorme feira de antiguidades ao ar livre
  • Tome um café de qualidade sob as árvores da Rua da República no Café República.

Hotéis para conhecer o bairro mais cultural de Porto Alegre

O Centro de Porto Alegre tem uma concentração de grandes centros culturais rara de se ver mesmo em capitais maiores. No espaço de algumas quadras, é possível visitar o Santander Cultural, O Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs) e o Centro Cultural Érico Verissimo.

Não fica por aí: há também os dois centros culturais que são  edifícios-símbolo da cidade, a Usina do Gasômetro, uma antiga estação de eletricidade à beira do rio, e a Casa de Cultura Mario Quintana, o prédio do antigo hotel onde viveu o poeta. Tudo isso praticamente na mesma rua, a Rua dos Andradas, que nós porto-alegrenses chamamos de Rua da Praia (como você já percebeu, nós não chamamos nada pelo seu verdadeiro nome).

Everest Porto Alegre

hotel everest de Porto Alegre

Um dos hotéis mais tradicionais da cidade, fundado em 1963, ele fica no alto de um cartão postal, o Viaduto Otávio Rocha, pérola arquitetônica de 1932, e também está a uma quadra da praça mais importante do Rio Grande do Sul, a Praça Marechal Deodoro (que nós porto-alegrenses chamamos Praça da Matriz).

Ao redor da praça ficam a bela Catedral Metropolitana, o ainda mais belo Teatro São Pedro (de 1858), o Palácio Piratini e a Assembléia Legislativa, sede dos poderes executivo e legislativo. Apesar de fazer parte dessa paisagem histórica, o Everest se mantém atualizado, com quartos modernos e boa gastronomia no restaurante do 16º andar, que ainda oferece uma vista panorâmica inigualável sobre o Guaíba.

Ver preços

Master Premium Grande Hotel

Master Premium Grande Hotel em Porto ALegre

Um hotel executivo típico, o Master Premium Grande Hotel tem a localização perfeita para quem quer conhecer os centros culturais de Porto Alegre. Assim como o Sheraton, ele funciona integrado a um shopping center, neste caso o Rua da Praia Shopping, garantindo opções de comércio e serviço. E ele fica a uma quadra da Praça da Alfândega, ao redor da qual estão o Santander Cultural e o Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs). É, sem dúvida, o hotel com a melhor relação localização-custo-benefício do Centro. E ainda rola essa vista linda sobre a Catedral Metropolitana.

Ver preços

O que fazer no Centro de Porto Alegre

  • Visite as exposições que estão sempre se renovando no Margs e no Santander Cultural – ambos prédios históricos que valem por si só
  • Se perca pelos corredores do Hotel Majestic, que hoje é a Casa de Cultura Mario Quintana. O Jardim Lutzenberger, em um dos terraços do prédio, é um dos locais mais românticos da cidade
  • Caminhe pela Rua da Praia até o fim, onde fica a Usina do Gasômetro, e contemple o pôr do sol na beira do Guaíba
  • Experimente a gastronomia tradicional do Gambrinus, o restaurante mais antigo da cidade (1889), em pleno Mercado Público.

Hotel em Porto Alegre perto da rodoviária

Acredite, você não vai querer se hospedar ao redor da rodoviária. Apesar de ela também estar interligada ao aeroporto e ao centro da cidade através do trem, os arredores do terminal de ônibus é uma das regiões mais degradadas da cidade, sem opções de entretenimento. Mas se você quiser apenas atravessar a rua da rodoviária e encontrar um bom hotel para passar a noite, a pedida é:

Continental Porto Alegre

Hotel Continental Porto Alegre

O hotel tem três opções de quarto com o básico, dois restaurantes, academia, mas o principal é a piscina do terraço, com uma incrível vista para o Guaíba. Se você precisar pegar um ônibus em um dos tórridos dias do verão porto alegrense, nada melhor do que esperar dando um mergulho por ali.

Ver preços