7 hotéis com acessibilidade no Rio de Janeiro

Por Daniel Courtouke,

Acesso fácil, tranquilo, sem problemas. Essa é basicamente a definição do termo Acessibilidade. No mundo todo, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), há mais de 650 milhões de pessoas com deficiência. Só no Brasil, são mais de 45 milhões.

É de se esperar que muitas delas queiram viajar com frequência, mas tenham certa dificuldade em encontrar lugares que se adequem às suas necessidades.

Via de regra, é possível afirmar que as cidades brasileiras não são acessíveis para o turismo. Construções mais novas, como o Museu do Amanhã, já foram planejadas pensando nesse tema, mas é difícil encontrar lugares em que a maioria dos pontos turísticos seja de fácil acesso para quem precisa.

Foto da fachada do museu do amanha, na praca maua, no rio de janeiro

Museu do Amanhã – Foto: Alexandre Macieira/ Riotur

Na tentativa de coletar e disseminar informações sobre acessibilidade, o Ministério do Turismo criou o site e o aplicativo Guia Turismo Acessível, em que as pessoas podem colocar suas opiniões sobre o grau de acessibilidade de lugares, hotéis, restaurantes, parques e outras atrações.

Na foto, uma mão feminina segura um telefone celular em que o aplicativo Turismo Sustentável, do Ministério do Turismo, aparece. Ao fundo da imagem está uma vaga de estacionamento dedica a cadeirantes.

Max Gonçalves / Ministério do Turismo

Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência – promulgada em julho de 2015 – prevê que hotéis, pousadas e demais tipos de acomodação devam ser construídos de acordo com os princípios do desenho universal e que os estabelecimentos já existentes disponibilizem unidades habitacionais acessíveis em pelo menos 10% das acomodações.

O que são os princípios do desenho universal?

É um conceito que propõe que as construções sejam idealizadas de uma maneira que todas as pessoas em geral sejam capazes de utilizar. Ou seja: não incentiva apenas a existência de espaços acessíveis em apenas alguns lugares ou áreas de um prédio, mas sim que todos os espaços sejam completamente adequados para todos os públicos. Legal, né? 🙂

O Room5 foi atrás de hotéis com boas práticas acessíveis na cidade do Rio de Janeiro e, embora nenhum deles seja 100% acessível para pessoas com deficiência de todos os tipos, alguns deles possuem boas iniciativas. Olha só!

Hilton Barra

Foto mostra o amplo corredor do hotel, com vista para a área externa do hotel. Ao fundo e à esquerda se encontram os elevadores.

Fotos: Hilton Barra

O Hilton Barra oferece 16 apartamentos com acessibilidade, todos com portas automáticas, banheiros com barras de segurança e portas com, no mínimo, 82 cm.

Todas as áreas comuns do hotel têm acessibilidade para deficientes físicos e oferecem alarmes visuais. As entradas são niveladas ou têm rampas de acesso. Elevadores, estacionamento e salas de reunião também são adaptados para receber hóspedes com necessidades especiais.

Quarto do hilton barra, com uma cama à esquerda do quadro, escrivaninha e televisão à direita. Ao fundo, uma grande janela com vista para fora.

Banheiro adaptado para cadeirantes, com o banco no chuveiro.

 

Acessível para deficientes visuais

O hotel possui facilidades para cão-guia, botão de emergência nos telefones e instruções especiais em caso de emergência.

Menus com impressão diferenciada e elevadores com painel adaptado também são oferecidos para o maior conforto do hóspede.

Acessível para deficientes auditivos

Para os deficientes auditivos, salas de conferência são equipadas com Hearing Loop System (Aro de Indução Magnético, em português), que diminui o ruído, deixando o som de aparelhos auditivos mais claro. Alarmes visuais estão instalados em todas as áreas comuns do hotel.

Para o maior conforto dos deficientes físicos, rampas de acesso e ambientes nivelados garantem uma melhor locomoção. Além disso, como é um estabelecimento pet friendly, hóspedes que necessitem de um cão guia não encontrarão dificuldades, pois o hotel aceita receber até dois cachorros de até 34 kg, cada, por apartamento.

O hotel ainda conta com um módulo do treinamento geral dado a todos os membros de equipe com o tema: Como melhor receber hóspedes com deficiências.

Pensando não somente na estadia, mas na viagem do hóspede como um todo, o Hilton Barra é parceiro de empresas de táxi adaptados.

Procurar quarto no Hilton Barra

 

Fasano

Suíte do hotel Fasano, com uma cama de casal na parte da frente da imagem, um pequeno sofá no centro do quarto e uma sala de estar ao fundo, com uma grande janela com vista para o mar.

Fotos: Hotel Fasano

O Fasano do Rio de Janeiro possui dois quartos adaptados, um na categoria Superior vista interna e um na categoria Luxo Vista mar, ambos com cama king size.

Todas as áreas do hotel são acessíveis (recepção, lobby, restaurante, bar da piscina e área de lazer), exceto o SPA. Neste caso, as terapias podem ser realizadas no quarto do hóspede.

Foto da piscina do hotel, com cadeiras de praia ao fundo. Foto da fachada do hotel, mostrando a avenida beira-mar e a praia, além dos morros.

O hotel ainda não possui menu em braile, mas nos informou que seus funcionários estão preparados para auxiliar os hóspedes nessas ocasiões.

Acessível para deficientes visuais

Todo o staff do hotel está preparado para atender bem a pessoa com deficiência. No caso de deficientes visuais, por exemplo, os funcionários sabem que não podem tirar nada do lugar – neste caso, o padrão de arrumação é alterado para se adequar à necessidade do deficiente visual.

Acessível para deficientes auditivos

Já no caso de deficientes auditivos, por exemplo, os responsáveis pelo serviço de quarto, mensageiros e governança estão treinados para entreabrir a porta, piscar a luz e aguardar a autorização do cliente para entrar, já que não é eficaz utilizar a campainha.

Para cadeirantes, a equipe é treinada para realizar o check-in fora do balcão, à altura do cliente, e assim por diante.

Procurar quarto no Fasano Rio

 

Windsor Miramar

Contando com 4 quartos acessíveis, o Windsor Miramar considera que todas as áreas do hotel são acessíveis, desde o business center até o restaurante e a piscina. Cegos podem levar cão guia e há menus em braile no restaurante.

Foto da piscina no terraço do hotel, com cadeiras de praia e guarda-sóis ao fundo. À esquerda da imagem está o mar.

Fotos: Windsor Miramar

Por meio de serviços terceirizados, o hotel facilita passeios pela cidade em veículos adaptados.

Foto do banheiro acessível do hotel, com chuveiro acessível para cadeirantes.Suíte do hotel Windsor miramar, com uma cama de casal ao centro, um criado mudo à direita e armários à esquerda. Ao fundo, uma janela grande com sacada e vista para o mar.Procurar quarto no Windsor Miramar

Sheraton Barra

Lobby, salões de eventos, restaurante, piscina, banheiros e academia, além de 4 quartos acessíveis com cama Queen fazem do Sheraton Barra um dos melhores hotéis no Rio de janeiro para pessoas com deficiência.

Imagem das piscinas redondas do hotel Sheraton, com cadeias de praia e guarda-sóis. Na imagem, o sol se põe e a cor do céu leva tons de roxo.

Fotos: Sheraton Barra

O hotel conta com menu em braile no restaurante e sinalização tátil no elevador, além de aceitar cães guia.

Suíte do Sheraton com sofás à direita, uma mesa de centro, televisão ao fundo e uma cama de casal ainda mais ao fundo da imagem. À direita, atrás dos sofás, está uma grande sacada com vista para a praia.Foto do restaurante do hotel, com várias mesas na parte da frente da imagem, palmeiras ao fundo e vista para o mar.

 

O Sheraton também oferece apoio para os turistas que quiserem algum tipo de translado ou passeio em veículos adaptados.

Procurar quarto no Sheraton Barra

 

Belmond Copacabana Palace

Após uma reforma geral em 2012, o Copacabana Palace ampliou algumas áreas e se adequou aos padrões de acessibilidade. Hoje, o hotel possui 9 quartos adaptados e todas as áreas do hotel são consideradas acessíveis.

Lobby do hotel Copacabana Palace, com um grande tapete e sofás na parte da frente, cortinar e grandes janelas à direita, um corredor comprido e repleto de lustres.

Fotos: Belmond Copacabana Palace

Foto da piscina do Copacabana Palace em uma imagem noturna, com o prédio do hotel ao fundo. No primeiro andar, com as luzes acesas está o restaurante.Foto do quarto, com uma cama de casal e um criado mudo e quadros na parede. À esquerda está uma sacada com vista para o mar.

Os funcionários recebem treinamento para melhor atender pessoas com deficiência, cães guia são aceitos e na recepção é possível agendar passeios pela cidade em vans adaptadas.

Procurar quarto no Copacabana Palace

 

Hotel Novo Mundo

O Hotel Novo Mundo oferece 4 hospedagens com portas de quarto e banheiro mais largas, banheiros com barras de apoio e cadeiras de banho. O lobby, restaurantes, garagem, corredores e academia são considerados acessíveis.

Foto do quarto do hotel, que possui uma porta espelhada de correr, que separa a sala do quarto.

Fotos: Hotel Novo Mundo

Além disso, o Novo Mundo disponibiliza cardápio e elevadores com botões em braile e sistema sonoro e os funcionários recebem treinamento especial para atender hóspedes com deficiência.

Foto da sala de estar, com uma poltrona vermelha à direita, armários ao lado esquerdo da imagem e sofás ao fundo. No alto da imagem, lustres brilhantes.Quarto do Hotel Novo Mundo, com uma janela grande e vista para a baía e o morro.

 

O hotel aceita cães guia para ajudar na locomoção de deficientes visuais e oferece apoio para tours ou passeios em transportes adaptados.

Procurar quarto no Novo Mundo

 

Gaia Comfort Hostel

Até mesmo hostels investem em práticas de acessibilidade. É o caso do Gaia Comfort, que possui quartos adaptados para cadeirantes até mesmo nas acomodações compartilhadas. No total, são oito camas disponíveis para pessoas com deficiência em dois quartos compartilhados.

Foto da porta do banheiro acessível do hostel Gaia ComfortFoto dos quartos compartilhados do hostel, com beliches amarelos nas laterias da imagem e armários azuis ao fundo.

Fotos: Gaia Comfort Hostel

O hotel possui rampa de acesso na entrada e luz de emergência no banheiro. Os dois quartos do térreo, recepção, áreas externas laterais, banheiro, área do café da manhã, sala de estar e cozinha são áreas acessíveis.

O hostel aceita cães guia, mas apenas em quartos privados. Para quem quiser fazer algum passeio pela Cidade Maravilhosa, o Gaia Comfort facilita o contato com transfers em carros adaptados.

Procurar quarto no Gaia Comfort